Carrinho 0

Allesandra Roscoe

Nasceu em Uberaba (MG) e cresceu em Brasília. É jornalista, escritora e autora do blog “Contos, cantos e encantos”. Também é contadora de histórias e mediadora de leituras com projetos que incentivam a leitura para o ventre, com casais, até a busca da reconstrução de memória para pacientes com Alzheimer.

Produção: Dora no teatro de máscaras, O teatro de Bia e Beto, Quem se esconde atrás das máscaras?, A casa dos mamulengos, O espetáculo por trás do teatro

 

André Santos da Rocha

Doutor em Geografia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ, 2014), Mestre em Geografia pela Universidade Federal Fluminense  (UFF, 2009), Especialista em Políticas Territoriais pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ, 2007) e  Licenciatura em Geografia pela Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Duque de Caxias (FEUDUC, 2005). Tem experiência na área de Ensino de Geografia, em especial política educacionais e Práticas Educativas, e na Elaboração de Materiais Instrucionais e Didáticos na área de Geografia, com destaque para o livro “Almanaque da Baixada” publicado pela APPH-CLIO resultado do projeto apoiado pela FAPERJ para produção de Material Didáticos (2009).

Produção: Os tipos de casas, Trabalho na colônia de férias, Transformando a natureza, Entre o campo e a cidade, A tecnologia e os trabalhos do passado e do presente

 

Andrea Thompson Da Poian

Possui graduação em Ciências Biológicas pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1989) e doutorado em Química Biológica pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1994). Atualmente é Professora Associada do Instituto de Bioquímica Médica da Universidade Federal do Rio de Janeiro. Atua também na área de Educação em Ciências, em projetos que visam aproximar a universidade da escola básica, principalmente no que diz respeito às práticas de ensino de ciências, além de elaborar e avaliar novas propostas de abordagem de temas relacionados à bioquímica nos Ensinos Fundamental e Médio. Participa também de atividades de difusão de ciências e é editora da área de Ciências Biológicas da revista de divulgação científica Ciência Hoje.

Produção: As partes do corpo, Jacinta e sua vida de planta, O que eu como vira o quê?

 

Bianca Encarnação

Jornalista pela Universidade Federal Fluminense, possui MBA em Comunicação Estratégica pelo Ibmec e é especializada em comunicação da ciência. Desde 1999, é editora executiva da Revista Ciência Hoje das Crianças, tendo atuado também como editora da Revista da TV Escola (MEC), coordenadora editorial de livros na área de divulgação científica e conteudista das séries de televisão Globo Ciência e Detetives da Ciência. É ainda autora do livro O pacto do desempacotamento conjunto (Mundo Mirim/2011).

Produção: Bartira, flor cheirosa e colorida, Manuel e sua missão, O segundo (e último) imperador do BrasilNino e as casas dos bichos, O menino que queria voar, O micromundo, Vacina é tudo de bom

 

Camila da Rocha Oliveira

Geógrafa licenciada em Geografia pela UFRJ, especialista em Educação concluído o curso: Saberes e práticas na educação básica – Geografia / CESPEB (UFRJ) e mestre em Geografia (UFRJ). Professora desde o 3º período da faculdade, enfrentou diversas situações até hoje. Desde cursos pré-vestibulares e preparatórios comunitários, parceria entre prefeitura e universidade voltada a educação pelo trabalho, alfabetização de adultos de forma voluntária, aulas de reforço particular, aulas preparatórias da rede privada de ensino voltadas, até ingressar na Rede Municipal do Rio de Janeiro como professora de Geografia. Sua trajetória acadêmica esteve sempre atrelada ao Grupo RETIS de pesquisa da UFRJ, trabalhando com temáticas em torno da fronteira, de áreas protegidas e territórios indígenas. Participou de projetos de pesquisa institucionais e governamentais na esfera do Estado e do Governo Federal.

Produção: Colcha de retalhos

 

Carla Bernadete Madureira Cruz

Engenheira Cartógrafa (UERJ), Mestre em Sistemas e Computação (IME-RJ), Doutora em Geografia (UFRJ). Especialista em Sensoriamento Remoto, Geoprocessamento e Cartografia, com linhas de pesquisa voltadas ao desenvolvimento de métodos para classificação digital de diferentes ecossistemas. Profa. Associada do Departamento de Geografia da UFRJ e coordenadora do Laboratório ESPAÇO de Sensoriamento Remoto e Estudos Ambientais. Pesquisadora Nível 1d do CNPq. Coordenadora dos Projetos PROBIO Mata Atlântica (2006) e Olho no Verde da SEA-RJ (2015-2018), que focaram no mapeamento e no monitoramento da cobertura natural em escalas média e alta. Consultora PNUD no Projeto Potenciar y Sostener la Conservación de la Biodiversidad en Tres Sectores Productivos del Ecosistema Sabana Camagüey, Cuba (De 2012 a 2015).

Produção: Onde está?, Miniatura do meu lugar, Mania de mapa, Aventura no mar, O mapa da fazenda

 

Cathia Abreu

Desde 1997, trabalha para a Revista Ciência Hoje das Crianças, tendo atuado como secretária de redação, repórter e, hoje, é subeditora. Seus textos de divulgação científica podem ser encontrados em inúmeros livros didáticos adotados por todo Brasil. É produtora cultural e autora de kits de Ciências voltados ao Ensino Fundamental.

Produção: Bartira, flor cheirosa e colorida, Manuel e sua missão, Uma rainha no Brasil, Maurício e o boi voador, O segundo (e último) imperador do Brasil, O menino que queria voar, O micromundo

 

Clarissa Paiva

Produção: Vitalino, mestre artesão, Artesanato e artesãos, Artesanato – Como se faz?, Artesanato ou arte?, Artesanato de Norte a Sul do Brasil

 

Cleber Marques de Castro

Possui Graduação (2002), Mestrado (2004) e Doutorado (2010) em Geografia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro. Atualmente é Professor Adjunto I do Departamento de Geografia do Instituto Multidisciplinar (IM) da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ). De março de 2012 e julho de 2018 foi Professor Adjunto IV do Departamento de Turismo, Instituto de Geografia, da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), onde ocupou a Chefia do Departamento de Turismo e a Coordenação do Campus Regional de Teresópolis (março de 2015 a março de 2018) e representou a Universidade do Estado do Rio de Janeiro, como membro titular, no Conselho Consultivo do Parque Nacional da Serra dos Órgãos (Conparnaso – Biênio 2014/2016). Tem experiência na área de Geografia e em Turismo, com ênfase em Gestão e Planejamento Ambiental, atuando principalmente na gestão de riscos ambientais, Cartografias Sociais Aplicadas ao Turismo, Geoprocessamento e Geoturismo.

Produção: Com que roupa vai a Val?, Carlota em: de onde vem a água que bebemos?, Tudo se transforma, Como as paisagens mudam?, Água limpa, água suja

 

Denise Silva Rocha Mazzuchelli

Possui graduação em Psicologia (2006) e mestrado em Psicologia da Aprendizagem e do Desenvolvimento (2010). Por oito anos coordenou os Programas Alfa e Beto para a Primeira Infância e atuou na elaboração, desenvolvimento e apoio à promoção de políticas públicas eficazes em diversas cidades e regiões do país. É autora de materiais didáticos e técnicos, tendo desenvolvido dezenas de intervenções e projetos com educadores, profissionais de saúde, assistência social, famílias e gestores públicos.

Produção: O boneco que queria ser menino, Carta de um hobbit, A feiticeira de Nárnia, Diário de Matilda, James, o Capitão Gancho

 

Eder Cassola Molina

Possui graduação em Geofísica pelo Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas da USP (1987), e em Engenharia Química pelo Centro Universitário da FEI (1985), mestrado em Geofísica pelo IAG-USP (1991), doutorado em Geofísica pelo IAG-USP (1996) e livre-docência em Geofísica pelo IAG-USP (2010). É professor do Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas desde 1988, a nível de graduação e pós-graduação. Tem experiência na área de Geofísica, com ênfase em Gravimetria e Geomagnetismo, atuando principalmente nos seguintes temas: geofísica, gravimetria, aerogravimetria, altimetria por satélite, aeromagnetometria, aerogamaespectrometria e representação dos elementos do campo de gravidade terrestre (altura geoidal, anomalia de altitude, anomalia da gravidade) e desenvolvimento de aplicativos para plataformas móveis.

Produção: Do que as coisas são feitas?, Qual é o nome disso? (objetos de ontem e de hoje), Som, luz e seus efeitos especiais, As deliciosas misturas de Toni, Os caminhos da água

 

Elisa Martins

Atua no mercado editorial desde 2007, trabalhando em todas as etapas da produção do livro. Possui experiência em edição, preparação e revisão de textos de diversos segmentos: ficção, literatura infantil e juvenil, didáticos e paradidáticos, biografia, história, reportagem, autoajuda e gastronomia.

Produção: Maurício e o boi voador, O segundo (e último) imperador do Brasil

 

Elizabeth Maria Feitosa da Rocha de Souza

Geógrafa, formada pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2004), mestrado em Geografia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2007) e doutorado em Geografia pela Universidade Federal Fluminense. Especialista em Sensoriamento Remoto, Geoprocessamento com orientação de pesquisas voltadas à análise urbana e consequente pressão sobre recursos naturais. Atualmente é professora Adjunta no Departamento de Geografia da Universidade Federal do Rio de Janeiro e coordenadora de graduação, com Pós-doutorado em geotecnologias. Integra o corpo docente do Programa de Pós-graduação em Geografia da UFRJ, e a equipe de professores responsáveis pelo laboratório Espaço de Sensoriamento Remoto e Estudos Ambientais. É responsável pela linha de análise urbana e pressão antrópica com uso de geoinformação.

Produção: Onde está?, Miniatura do meu lugar, Mania de mapa, Aventura no mar, O mapa da fazenda

 

Eric Vidal Ferreira da Guia

Mestre em Ciências Sociais pela Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro e Bacharel e Licenciado em Geografia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Produção: Vida de cidade, vida de interior, Os poderes de governo (e os nossos também), Entre o campo e a cidade

 

João Batista Araujo e Oliveira

Graduado em Psicologia pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (1969), fez mestrado em Psicologia em Tulane University (1972) e doutorado em Pesquisa Educacional na Florida State University (1973). Professor, psicólogo e especialista em desenvolvimento infantil, é um dos pioneiros na difusão de princípios e práticas de leitura desde o berço. Idealizador da coleção Pequenos Leitores e do Guia IAB de Leitura para a Primeira Infância, instalou a Biblioteca do Bebê na 21ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo, em 2010, e publicou vários trabalhos científicos sobre o tema. Criador do Programa Alfa e Beto de alfabetização, que já alfabetizou mais de 1 milhão de crianças em todo o país, é presidente do Instituto Alfa e Beto, que edita livros e coletâneas para crianças, como os Livros Gigantes: Conte Outra Vez, Chão de Estrelas e Leia Comigo. Autor de vários livros técnicos e artigos científicos sobre aprendizagem, recebeu, em 2016, o Prêmio Darcy Ribeiro conferido pela Comissão de Educação da Câmara dos Deputados.

Produção: De onde vêm os nomes dos planetas

 

Giselle Vargas

Formada em Design de Produtos pela UEMG com cursos de extensão na UFMG e na Escola Guignard, a mineira, de Tombos, mudou-se para Belo Horizonte ainda menina, onde reside atualmente.  Trabalhou como Diretora de Arte em diversas agências de publicidade. Obteve o prêmio Colunistas por criação de campanha publicitária. Participou de exposições de ilustração infantil em São Paulo, Barcelona, Bolonha e Pontevedra, e tem algumas obras incluídas em catálogos de ilustração infantil. Ilustra para jornais, revistas e para obras didáticas e de literatura em diversas editoras.

Produção: Pepê, o ponto e a linha, As cores de Ana, Cubismo – o que é isso?, O mestre Michelangelo e Uma noite estrelada

 

Luisa Gaspari

Produção: A força de Hércules, O deus dos deuses, Uma maçã, um cavalo e uma confusão daquelas, A viagem de volta

 

Marcus Vinícius Vieira

Professor do Departamento de Ecologia da Universidade Federal do Rio de Janeiro. Tem interesse principal na Ecologia de Populações, suas interações, em modelos e teorias gerais que permitam prever a sua dinâmica em função de mudanças ambientais, naturais ou antrópicas. Assim, tem estudado (1) como interações entre populações afetam a estrutura de comunidades locais e metacomunidades, (2) como a ecologia do movimento de indivíduos determina a dinâmica espacial de (meta)populações e comunidades em paisagens, e (3) como estes mecanismos podem gerar padrões macroecológicos. Ambientes preservados e perturbados têm sido comparados nestes estudos, principalmente resultantes dos processos de perda e fragmentação de habitat, mas do uso do solo em geral, procurando formas de reduzir impactos sobre a biodiversidade. Alguns aspectos mais específicos estudados são (i) efeitos to tamanho do corpo sobre a habilidade locomotora e distâncias de movimento, (ii) capacidade perceptual, uso da matriz entre fragmentos, e conectividade funcional em paisagens, e (iii) seleção de habitat em diferentes escalas. Estas questões têm sido estudadas mais frequentemente com pequenos mamíferos e anfíbios, mas também com outros grupos de organismos em diferentes biomas.

Produção: Quem come o quê?

 

Margarete de Macedo Monteiro

Possui graduação em Ciências Biológicas na UERJ e Mestrado e Doutorado em Ecologia na UNICAMP. Foi bolsista de pós-doutorado pelo CNPq na University of York, Inglaterra, UK, entre 2012 e 2013, estudando ecologia de parasitoides. Ingressou como Professora na Universidade Federal do Rio de Janeiro em 1994 e desde então ministra disciplinas do básico, do bacharelado e da licenciatura. Desenvolve pesquisas em Ecologia de Insetos em Restingas e Mata Atlântica do Estado do Rio de Janeiro. Suas publicações referem-se, principalmente, a ecologia de populações de insetos, suas interações com plantas hospedeiras e parasitoides e sua distribuição espacial e temporal. Atua também em ações de extensão, particularmente nas áreas temáticas Educação e Meio Ambiente. Orienta alunos de iniciação científica e co-orienta alunos de Mestrado e Doutorado. Na UFRJ, foi coordenadora de Ensino do Bacharelado em Ecologia do Curso de Ciências Biológicas do Instituto de Biologia por cerca de 10 anos, e coordenou o setor de Intercâmbio Internacional da Graduação do Instituto de Biologia de 2010 a 2012, e foi Diretora Adjunta de Extensão do Instituto de Biologia de 2014 a 2017. Desde 2000 atua em Educação a Distância, inicialmente como coordenadora de Tutoria do Curso de Ciências Biológicas pela UFRJ e depois como Diretora de Tutoria da Fundação CECIERJ / CEDERJ, até 2010.

Produção: Animais: você, eu e muito mais

 

Maria Naíse de Oliveira Peixoto

Graduada em Geografia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro/UFRJ (1988), possui Mestrado (1993) e Doutorado (2002) na área de Planejamento e Gestão Ambiental do Programa de Pós-graduação em Geografia desta universidade. É professora da UFRJ desde 1997, vinculada ao Núcleo de Estudos do Quaternário & Tecnógeno do Departamento de Geografia / Instituto de Geociências, ministrando regularmente disciplinas nos cursos de graduação (bacharelado e licenciatura) e pós-graduação em Geografia da UFRJ e no curso de Especialização em Ensino de Geografia da Faculdade de Educação da UFRJ. Tem experiência na área de Geociências, com ênfase em Geomorfologia, atuando principalmente nos seguintes temas: Geomorfologia do Quaternário, Análise de Bacias de Drenagem, Evolução de Encostas e Cabeceiras de Drenagem, Processos Erosivos e Mapeamento Geomorfológico e, na área de Meio Ambiente, em projetos de Geomorfologia Aplicada, Gestão de Águas e Educação Ambiental.

Produção: Com que roupa vai a Val?, Carlota em: de onde vem a água que bebemos?, Tudo se transforma, Como as paisagens mudam?, Água limpa, água suja

 

Maria Olivia de Quadros Saraiva

Fez graduação em Letras, habilitações: Português (língua portuguesa, literaturas brasileira e portuguesa) e Grego antigo, na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), mestrado em Letras: linguística aplicada e doutorado em Letras: linguística teórica e descritiva, ambos junto ao Programa de Pós-graduação em Estudos Linguísticos da Faculdade de Letras da UFMG. No doutorado (bolsa CNPq), teve um período de estágio “sanduíche” (bolsa CAPES) em Roma. É docente de ensino superior, na área de Letras, com ênfase em língua portuguesa, redação instrumental, redação oficial, latim, grego antigo, linguística histórica e história da língua. Como pesquisadora, é coordenadora do grupo de pesquisa de Crítica Textual da Fundação Biblioteca Nacional, e atua principalmente na área dos estudos linguísticos: crítica textual, edição crítica de textos, edição de textos antigos e contemporâneos, elaboração de glossário – filologia, no sentido mais amplo, englobando ciências auxiliares, como paleografia, codicologia, história da escrita, história do livro e história da cultura. Atualmente é professora de Português e de Língua Latina, e revisora de textos (língua portuguesa).

Produção: Cada um no seu lugar, Uma arca cheia de expressões, Uma pedrada certeira

 

Nathalia Loose

Produção: Música, dança e ritmo, Quando a dança também é jogo!, Dança e movimento, Um passeio pela dança, Quando o corpo e alma entram na dança

 

Paula Maria Moura de Almeida

Oceanógrafa pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (2007) e mestre em Geografia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2010). Atualmente é doutoranda em Meio Ambiente, vice-presidente do Instituto Marés, professora auxiliar da Universidade Castelo Branco, pesquisadora do Núcleo de Estudos em Manguezais (NEMA/UERJ) e do Laboratório de Sensoriamento Remoto ESPAÇO (UFRJ). Tem experiência na área de Oceanografia, com ênfase em Oceanografia Biológica, atuando principalmente na aplicação de técnicas de geoprocessamento no estudo de manguezais e ambientes costeiros.

Produção: Onde está?, Miniatura do meu lugar, Mania de mapa, Aventura no mar, O mapa da fazenda

 

Pedro Da Poian Chaloub

Bacharel em Geografia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), com experiência, durante esse curso de graduação, em projeto de extensão e em linha de pesquisa relacionados à permacultura, à agroecologia, à organização política, às unidades de conservação e à valorização do patrimônio cultural, dos saberes locais e do conhecimento espacial tradicional de comunidades caiçaras. Atualmente, é graduando em Licenciatura em Geografia, também na UFRJ.

Produção: Os meus lugares, Os lugares da cidade, Os tipos de casas

 

Pedro Krause

Professor do Departamento de História do Colégio Pedro II (Rio de Janeiro). Doutor em História Social pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, instituição pela qual obteve o título de Mestre em História Social. É graduado em História pela Universidade Federal Fluminense, desenvolvendo pesquisas sobre caricaturas e charges do final do século XIX e início do século XX.

Produção: Agu, o Fogo e a Roda, Mana e as plantações, O espelho e a revolução das máquinas, Luz, por favor!, Da caverna à informática, Mudar e mudar até parar, Dido vai à cidade, Novas terras à vista!, Encontro de culturas, Vai-e-vem de povos e culturas, Caixa de Histórias, Passeio na cidade, A história dos feriados, Um futebol: um símbolo mundial, Da capoeira ao carimbo

 

Renata Regina Contrantino Barrella

Possui Pós-doutorado pela UNESP (2016-2018), Doutorado em Geofísica pelo Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas da Universidade de São Paulo (IAG) (2016), Mestrado em Geofísica pelo mesmo Instituto (2012), especialização em Divulgação Científica pela ECA/USP (2010) e Graduação em Oceanografia pelo Centro Universitário Monte Serrat (2009).

Produção: Contando o tempo, A Terra por fora, Manu e a Terra por dentro, Por dentro do solo, Um passeio pelas estrelas

 

Robertha Triches

Professora do Departamento de História do Colégio Pedro II (Rio de Janeiro). Doutora pelo Programa de Pós-Graduação em História da Universidade Federal Fluminense (PPGH-UFF). Desenvolve pesquisa na área de História Social e Cultural, com destaque para o estudo dos intelectuais, da imprensa e das relações luso-brasileiras na Primeira República e na década de 1930.

Produção: Agu, o Fogo e a Roda, Mana e as plantações, O espelho e a revolução das máquinas, Luz, por favor!, Da caverna à informática, Mudar e mudar até parar, Dido vai à cidade, Novas terras à vista!, Encontro de culturas, Vai-e-vem de povos e culturas, Caixa de Histórias, Passeio na cidade, A história dos feriados, Um futebol: um símbolo mundial, Da capoeira ao carimbo

 

Thaís Fernandes

Doutora em Estudos da Tradução pela Universidade Federal de Santa Catarina (2017).

Produção: Uma rainha no Brasil, Maurício e o boi voador, Jornada rumo ao infinito

 

Tino Freitas

Jornalista, músico, produtor cultural, escritor de livros infantis, é também mediador de leitura. Natural de Fortaleza (CE), foi encantado pelos livros infantis e se apaixonou de vez ao criar o projeto Roedores de Livros ao lado da arte-educadora Ana Paula Bernardes. Tino Freitas foi um dos importantes nomes da produção literária brasiliense a figurar na programação da 34ª Feira do Livro de Brasília. Em suas apresentações públicas- escolas, feiras do livro, praças, shoppings centers e teatros-, Tino se cerca de livros, músicas próprias, contos populares e brinquedos cantados encantando crianças e adultos num grande encontro com a fantasia.

Produção: Ninho para um cachorrinho, O sumiço do Sábado, Chapeuzinho e o dragão, A bela Isabela Cinderela, Bela Adormecida e o videogame, Princesas, maças envenenadas e pequis, Cicatriz e Mão de Ferro

 

Vânia Nunes Morgado

Graduada em Geografia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, mestre em Educação pela Universidade Estadual do Rio de Janeiro e doutorado em andamento no Departamento de Geografia na Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro. Atualmente é Professora de Geografia do Colégio de Aplicação da Universidade Federal do Rio de Janeiro, onde ministra aulas, orienta licenciandos e monografias, e coordena projetos de pesquisa e extensão. Atua como pesquisadora no campo da Educação com estudos sobre currículo e cotidiano, na Geografia em estudos sobre urbana e educação ambiental.

Produção: Com que roupa vai a Val?, Carlota em: de onde vem a água que bebemos?, Tudo se transforma, Como as paisagens mudam?, Água limpa, água suja


Receba dicas para a sala de aula e as mais recentes evidências sobre aprendizado em seu e-mail:

FALE CONOSCO